Sistema digestivo


Introdução

É através da ingestão de alimentos que o nosso organismo retira os nutrientes necessários para a construção de novos tecidos além de fazer a manutenção dos tecidos danificados.

Funções

Este processo, somente é possível, graças ao sistema digestivo, que é o responsável por transformar os alimentos que ingerimos em moléculas suficientemente pequenas para penetrarem em nossas células.

Órgãos do sistema digestivo humano

Este sistema responsável tanto pela digestão quanto pela absorção dos alimentos é formado pela boca, esófago, fígado, vesícula biliar, estômago, intestinos (grosso e delgado) reto e glândulas anexas.

Processo de digestão

A digestão tem seu início na boca onde o alimento é triturado pelos dentes e humedecido pela saliva. O sabor dos alimentos é determinado pelas papilas gustativas (localizadas na língua), é, através delas que identificamos quando determinado alimento é doce, salgado, azedo ou amargo.

Em seguida o bolo alimentar segue pela faringe que o empurra para o esófago, este, através de seus movimentos peristálticos, empurra o alimento para o estômago.

No estômago o alimento é dissolvido pelo suco gástrico, que é produzido por factores estimulantes como a visão, paladar, odor, mastigação, fome, etc. Apenas 5% da digestão ocorre no estômago.

Do estômago, o bolo segue para o intestino delgado, onde os nutrientes serão reduzidos a moléculas muito pequenas através do processo de digestão.

A água na digestão

Para realizar todo este processo, o organismo utiliza em média dez litros de água. É através do intestino grosso que a maior parte desta água é reabsorvida, apenas uma pequena parte dela é utilizada para ajudar no deslizamento do bolo fecal.

Principais doenças e distúrbios que afectam o sistema digestivo humano:

- Úlcera péptica, câncer de estômago, câncer de intestino, pancreatite, gastrite, gastroenterites e estomatite.


Fonte: Toda Biologia.com

::: As informações contidas nestas páginas são resultado de pesquisas bibliográficas desenvolvidos pelo autor. Contudo, não deverão ser usadas como diagnóstico, pois cada caso terá a sua especificidade. Consulte sempre um profissional de saúde. ::: www.facebook.com/alquimiadoeu.eu  :  miguel.laundes@gmail.com  :  © Miguel Laúndes, 2021
Desenvolvido por Webnode
Crie o seu site grátis!