Caseína gera dificuldade no emagrecimento e danos à saúde

A caseína é uma proteína que inflama, retém liquido e produz uma cascata de acontecimentos nocivos gerando dificuldades a quem tem necessidade de emagrecer. É comercializada como suplemento proteico, e é comumente utilizada por atletas que frequentam ginásios. No entanto, a mesma, desencadeia uma resposta no organismo semelhante ao glúten.

A caseína apresenta um tamanho molecular relativamente grande e sustenta a falsa crença de que a sua absorção sendo lenta, maximiza o anabolismo e o anti catabolismo. Não é facilmente absorvida pelos nossos enterócitos (células intestinais). Nestas condições, esta macro molécula gera inúmeras perturbações para a saúde, incluindo alergias e inflamações.

Existem algumas teorias que sustentam o ponto de vista inflamatório, todavia, a mais aceite é o facto de que após os 3 anos de idade, nós, seres humanos deixamos de produzir uma enzima chamada renina, a qual, é responsável pela digestão da caseína. Assim, a caseína gera:

Inflamação crónica subclínica: podendo originar diversas enfermidades graves.

Hipersensibilidade metabólica: A caseína é uma proteína altamente alergénica. Isto ocorre porque o sistema imunológico tem dificuldade em reconhecê-la como um composto não nocivo. A partir de uma série de reacções bioquímicas o sistema auto-imune começa a produzir citocinas inflamatórias as quais atacam não somente a proteína, mas sim, o organismo como um todo.

::: As informações contidas nestas páginas são resultado de pesquisas bibliográficas desenvolvidos pelo autor. Contudo, não deverão ser usadas como diagnóstico, pois cada caso terá a sua especificidade. Consulte sempre um profissional de saúde. ::: www.facebook.com/alquimiadoeu.eu  :  miguel.laundes@gmail.com  :  © Miguel Laúndes, 2021
Desenvolvido por Webnode
Crie o seu site grátis!